Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
+55 (11) 4506-3239
academy@glsolutions.com.br

4 passos para melhorar seu desempenho e conhecimento em tecnologia

24 ago 2010

4 passos para melhorar seu desempenho e conhecimento em tecnologia

Já faz algum tempo que não escrevo um tópico sobre educação, o que é muito importante para melhorar o conhecimento do profissional. A algum tempo, escrevi um artigo sobre “7 PASSOS PARA OBTER UMA CERTIFICAÇÃO EM TECNOLOGIA”. Não deixe de ler este artigo pois será muito importante para a sua vida profissional.

Bem, todos sabemos que obter uma certificação é muito importante, você tem um curriculum valorizado e consegue boas oportunidades. Mas, ao obter uma certificação, siginifica que você está preparado para encarar o mercado? Dar solução, corrigir problemas, etc?. Infelizmente a resposta é NÃO! Mas não desanime pois todo o esfoço será recompensador.

Você estará preparado apenas se você tiver experiência e experiência gera confiança.
Nenhum curso lhe dará experiência. Nos cursos, você aprende o conceito e um pouco de prática, mas é muito pouco para o que realmente você enfrentará no mercado. Por isso, resolvi escrever um post de como melhorar seu conhecimento com baixo custo. Vou passar algumas técnicas simples que irão melhorar e muito suas habilidades e principalmente sua confiança.

1 – Conceito

O ponto principal da sua carreira está direcionada no tipo de conceito que você possui. O conceito é algo tão importante quanto saber configurar, instalar um produto, é tão importante quanto a prática. Ter conceito significa que você possui a habilidade de interpretar o funcionamento de um determinado produto. Talvez o conceito seja a parte mais chata do estudo, pois é inteiramete voltado a leitura e estudo aprofundado.

Você deve ter em mente em obter primeiramente como funciona o produto, quais são seus requisitos, como funciona a arquitetura, processos e etc. Isso lhe dará uma ótima bagagem para poder aprimorar a prática. É muito mais simples praticar o que se tem como conceito.

Os cursos normalmente passam uma base de conceito, mas você deve procurar outras fontes para melhorar seu conhecimento.
Para os produtos IBM você pode utilizar os Redbooks, Information Centers e o Education Assistance. Veja em meu blog na categoria Educação. Lá possui informações de como utlizar o Education Assistance.

2 – Prática

Você só alcançará a prática, treinando. Da mesma forma como atletas se preparam para um determinado evento, nós como profissionais de tecnologia devemos sim nos preparar intelectualmente para prover um ótimo resultado e qualidade. Fazer um lab é primordial para o aprendizado técnico. Depois que você estudou o conceito, chegou a hora de praticar. Monte um lab para isso.

É muito simples montar um lab de estudo. Existem softwares de virtualização que o ajudarão a estudar e praticar o produto. Para isso, você precisa de um computador com uma quantidade razoável de memória principal e hard disk. O ideal é ter 3G de memória principal para sistemas operacionais de 32 bit e 4G para 64 bit. De hard disk pelo menos 250G mas o ideal seria 500G.

Você pode pensar que estou exagerando na configuração. Se você deseja praticar todos os conceitos, você vai precisar de um computador que lhe traga desempenho. Claro que isso tudo tem um custo, mas pense pelo lado bom, você está investindo em você.

Eu vejo que muitos equipam seus computadores para jogar ou simplismente para dizer que tem um super computador e não possuem nenhum retorno com isso. Pense que você está investindo para seu conhecimento e isso lhe trará retorno tanto financeiro quanto profissional.

  1. No mercado, existem vários tipos de softwares de virtualização. São aplicativos onde é possível instalar sistemas operacionais, configurar rede, periféricos etc. O mais famoso é o vmware. Ele possui uma versão gratuíta, a versão server. www.vmware.com. Existe também a versão opensource da Oracle, o virtualbox www.virtualbox.org. Funciona da mesma forma como o vmware, ambos lhe trarão o mesmo resultado.
  2. Escolha o tipo de sistema operacional onde você irá praticar. O objetivo aqui não é aprender sistema operacional, e sim o produto. Neste caso, escolha aquele com que você tem maior afinidade. Os produtos IBM possuem suporte para Linux e Windows. Portanto, se você tem mais facilidade com windows, não se intimide. Mas se o seu objetivo é estudar sistema operacional, neste caso escolha aquele que você quer aprender.
  3. Utilize o manterial do produto disponível na internet. Estes materiais normalmente são gratuítos e possuem informações completas sobre o funcionamento do produto. Procure pelo site do fabricante e certamente você irá encontrar documentos técnicos.
  4. Começe com apenas uma vmware. É mais simples você configurar tudo em um único sistema do que já iniciar configurações mais complexas utilizando sistemas remotos. Esta VM vai servir para você conhecer como funciona o produto e como ele se comporta. Sem dúvida você irá enfrentar muitos problemas, mas isso é normal.
  5. Após ter feito esta VM, e se você se sentir seguro, começe a criar novas vms como banco de dados, servidor de aplicação, servidor de LDAP, etc. Esta já é uma etapa mais avança pois já é próxima do que existe em empresas. Aqui você irá encontrar outros problemas e outros tipos de configuração que não foram vistos na primeira VM. Por isso é importante primeiro é fazer aquela primeira vm com todos os aplicativos para se ter uma ideia de como se comporta o produto.

3 – Documentar tudo

Eu costumo documentar todos os problemas que enfrento bem como sua solução. Existem situações em que a solução sai da sua habilidade e não de documentação do produto. O produto lhe informa como fazer mas nem sempre como corrigir. Então, não se esqueça de anotar tudo que você fez e enfrentou. Sem dúvida um dia essas anotações lhe serão úteis para sair de problemas reais. Não se esqueça de fazer backup de tudo que você anota. O conhecimento é muito mais importante do que qualquer outra informação.

4 – Objetivos e Metas

Talvez para alguns essa seja a pior das etapas. Mas é a mais importante. De nada adianta preparar seu computador, baixar as documantações se você não estipular metas e objetivos. Da mesma forma que tirar uma certificação lhe exige tempo e compromisso, melhorar suas habilidades e seu conhecimento também exigirá tempo e dedicação.

O compromisso lhe trará bons frutos, tanto profissional como financeiro. Portanto, defina dias da semana para estudo e seja fiel a estes dias. É possível fazer tudo sendo organizado com seu tempo. Quando se dedicar a estas horas de estudo, não deixe sua mente se ocupar com outras coisas como chats, e-mails, facebook, etc. Concentre-se no seu objetivo.

Tudo nesta vida tem um custo e você deve plantar bem para colher bem.
Procure ser deligente em tudo que fizer pois o retorno será satisfatório.

2 Responses

Deixe um comentário